fbpx
1905 visualizações

Tudo o que precisa de saber sobre as empresas na Holanda

1905 visualizações
Tudo o que precisa de saber sobre as empresas na Holanda

A maioria das pessoas que iniciam o seu trabalho na Holanda vão trabalhar com um contrato de recrutamento fornecido por uma agência de trabalho temporário ou por o chamado “uitzendbureau”

Uma agência de trabalho temporário ou uitzendbureau faz a ligação entre as empresas na Holanda que estão a procurar novos colaboradores e as pessoas que estão à procura de trabalho. Como as empresas na Holanda nem sempre têm recursos suficientes, pessoas, ou o know-how em mercados internacionais específicos, estas atribuem o processo de recrutamento e seleção de pessoas a intermediários como a Qbis.

De seguida descreve-se este processo, incluindo a estrutura utilizada e as responsabilidades de cada parte:

Como as agências podem ajudar

Ao contrário da maioria das agências de trabalho no Reino Unido, Irlanda, Alemanha ou Noruega, a maioria das empresas na Holanda, que trabalham com colaboradores internacionais, organizam quase tudo para quando chegar à Holanda.

Folha de pagamento dos colaboradores

Os serviços de processamento de pagamento envolvem tudo o que se deve fazer com o pagamentos aos colaboradores e apresentação dos impostos de trabalho. Os meios que as empresas na Holanda geralmente utilizam:

  • Contabilização das horas trabalhadas.
  • Cálculo do salário.
  • Pagamentos das taxas ao governo holandês.
  • Retenção dos impostos do salário.
  • Pagamento do salário líquido.

Fornecer alojamento

Todos os alojamentos na Holanda fornecidos pela Qbis são certificados pela SNF, o que garante uma segurança quanto ao local onde vai residir, pois estes têm de cumprir os requisitos mínimos dos padrões exigidos. São verificados pelo menos uma vez por ano. A probabilidade em viver com pessoas do mesmo país são altas.

SNF

Ajuda com a documentação

Durante o primeiro dia após chegar à Holanda, a agência de trabalho vai indicar-lhe quais os documentos necessários e que são legais na Holanda. Isto incluí:

  • Assinatura do contrato de trabalho,
  • Tratamento da apólice do seguro de saúde,
  • Fornecer um contrato para o alojamento,
  • Organizar o número de segurança social: Burger Service Nummer,
  • Ajuda com o registo no município local (se exigido).

A orientação vai ser dada no seu idioma nativo. A maioria das agências de trabalho temporário, tem uma equipa que o vai orientar no idioma do seu país.

Jaunius Butkus
Jaunius Butkus
foi um serviço rápido e eficaz.

Fornecer transporte de/para o alojamento

Para a maioria das pessoas que vão viver para a Holanda é difícil organizar o transporte para ir trabalhar e voltar do trabalho. Por isso as agências ajudam os seus colaboradores com o próprio transporte na Holanda. O tipo de transporte vai depender do quão longe está do alojamento.

Fornecer transporte de/para o alojamento

Como são organizados os contratos holandeses?

A maioria das pessoas que trabalha numa agência de trabalho temporário são contratadas através de um contrato de recrutamento.

Como são organizados os contratos holandeses?

Existem 3 tipos de contrato de recrutamento que pode assinar. O tipo de contrato depende do número de semanas que vai trabalhar para uma agência. Quanto mais tempo trabalhar, maior a responsabilidade da agência de trabalho e maiores as contrapartidas tanto para a empresa como para o colaborador.

Contrato tipo 1: Contrato Flexível

Uma vez que comece a trabalhar para a agência, terá um contrato flexível. As empresas na Holanda podem dar-lhe um contrato flexível até trabalhar um total de 78 semanas para a mesma agência.

O montante de horas que trabalha numa semana, a mudança para uma posição de trabalho diferente ou o trabalho em empresas dentro dessas 78 semanas, não têm nenhuma influência no cálculo do número de semanas.

O lado positivo de um contrato flexível é que tem os mesmos direitos que o empregador. Numa situação em que não queira mais trabalhar para a agência, pode rescindir o contrato quando quiser.

Contrato tipo 2: Contrato fixo

Quando trabalhar mais de 78 semanas para a mesma agência, será proposto um contrato fixo. Mesmo se parar de trabalhar até 26 semanas, mas voltar ao trabalho para a mesma agência de trabalho, vai receber um contrato fixo. Caso pare de trabalhar por mais de 26 semanas, vai receber um contrato flexível no momento em que voltar à mesma agência de trabalho.

Ao contrário do contrato flexível, durante o trabalho, vai ter direitos no seu salário enquanto durar o contrato. Vai ter que estar disponível para o trabalho no período pedido. Após quatro anos ou um máximo de seis contratos, a agência holandesa terá que fornecer um contrato por tempo ilimitado.

Contrato tipo 3: Contrato por tempo ilimitado

O contrato fixo é um contrato em que não há um prazo fixado na duração do contrato. Numa situação em que precise de parar de trabalhar para uma empresa, a agência vai continuar a pagar o salário, desde que esteja disponível para trabalhar noutras empresas que são fornecidas pela agência.

Vantagens em trabalhar com um contrato de recrutamento holandês

A maioria das pessoas que vão para a Holanda com a ajuda das agências de trabalho vão assinar um contrato flexível. Por isso resumimos as vantagens de trabalhar com um contrato flexível:

+ Oportunidade de ganhar experiência a trabalhar em várias empresas

Quando tem pouca experiência, trabalhar através de uma empresa na Holanda permite ganhar experiência ao trabalhar para várias empresas diferentes.

Trabalhar em diferentes empresas dá-lhe a oportunidade de deixar uma boa impressão numa empresa e uma maior hipótese em continuar a trabalhar na empresa por um período maior. Além disso, amplia a sua rede de contactos ao trabalhar em empresas diferentes e mantém contacto com os seus colegas de trabalho.

+ Uma boa forma de orientação

Quando trabalha para empresas diferentes fica com uma visão mais clara do trabalho que gosta e qual a empresa em que gostaria de trabalhar.

Vantagens em trabalhar com um contrato de recrutamento holandês

+ Aumenta a probabilidade de conseguir um trabalho

A maioria das empresas só recruta pessoas com base no recrutamento. As hipóteses de conseguir um trabalho com um contrato de recrutamento são maiores se conseguir um trabalho com um contrato fixo.

Desvantagens em trabalhar com um contrato de recrutamento holandês

Assim como há vantagens nas ofertas de trabalho com um contrato de recrutamento , existem também desvantagens que deves ter em consideração quando vais trabalhar para a Holanda.

- Existem agências que abusam das regras

Tenha cuidado quando for trabalhar na Holanda, deve trabalhar para uma agência reconhecida. Um bom ponto de partida é trabalhar para uma agência membro da NBBU ou ABU, que são organizações de agências de trabalho na Holanda. Ser um membro dessas organizações garante que a agência seguirá os regulamentos rígidos que defendem os direitos dos trabalhadores temporários na Holanda.

- Não participa no sistema de bónus da empresa

Enquanto trabalhador temporário não participa no sistema de bónus na empresa em que trabalha.

- O primeiro dia de baixa por doença não é pago

Se ficar doente há dias de espera “wachtdagen” que se aplicam quando se trabalha num contrato de recrutamento. Os dias de espera são os primeiros dias de doença em que não é compensado pela sua agência de trabalho.

Para pessoas que trabalham na Holanda numa agência de recrutamento, 1 ou 2 dias de espera são aplicados. Se estiver doente por um longo período, o contrato de trabalho vai terminar quando tem um contrato flexível.

Vantagens em trabalhar com um contrato de recrutamentoDesvantagens em trabalhar com um contrato de recrutamento
+ Oportunidade de ganhar experiência a trabalhar em várias empresas- Existem agências que abusam das regras
+ Uma boa forma de orientação- Não participa no sistema de bónus da empresa
+ Aumenta a probabilidade de conseguir um trabalho- O primeiro dia de baixa por doença não é pago

Resumo

As agências temporárias de recrutamento de pessoas na Holanda oferecem um serviço completo para conseguir um trabalho. Eles ajudam em quase tudo que precisa para começar a sua vida profissional na Holanda. O serviço de agências de trabalho temporário inclui: pagamento de salários dos trabalhadores; fornecimento de alojamento; ajuda com toda a documentação necessária e fornecer transporte do seu novo trabalho para o seu novo local de residência na Holanda.

O contrato que assinar ao trabalhar para uma agência de trabalho temporários na Holanda depende do acordo de trabalho coletivo que a agência aplica. Se for trabalhar para a Holanda usando a ajuda da Qbis, terá a certeza de que a agência para a qual vai trabalhar aplica os acordos coletivos de trabalho NBBU ou ABU.

Essas contratações são: flexíveis, fixas ou por tempo ilimitado, dependendo do número de semanas em que vai trabalhar na mesma agência de trabalho. Quanto mais trabalhar para uma agência de trabalho, mais responsabilidade a agência de trabalho vai ter, assim como as contrapartidas que vão passar a ter.

Trabalhar com um contrato de recrutamento dá-lhe a oportunidade de se familiarizar com trabalhos diferentes em diferentes empresas na Holanda. Desta forma, pode orientar e aumentar as suas hipóteses de conseguir um trabalho por um longo período.

Infelizmente, existem agências que abusam das regras dos contratos de recrutamento. Quando está à procura de trabalho na Holanda, certifique-se que vai trabalhar com uma agência de trabalho reconhecida. Tenha em mente que, ao trabalhar com um contrato de recrutamento, provavelmente não participará nos sistemas de bónus que as empresas aplicam e que o primeiro dia de baixa por doença não será pago.

Perguntas frequentes em agências de trabalho na Holanda

O meu salário vai ser mais alto sem utilizar uma agência de trabalho temporário?

Não, o seu salário por hora, se utilizar uma agência temporária, não difere do salário caso trabalhasse diretamente para a empresa.

Cada empregador na Holanda deve seguir as condições mínimas definidas no acordo de trabalho coletivo, conforme o setor em que está a trabalhar. Isso significa que o trabalho por meio de uma agência de trabalho não terá influência no salário bruto por hora. Tenha em conta que as pessoas que trabalham através de uma agência de trabalho têm maior probabilidade de receber horas extras.

24.06.2019

Poderia ser considerado para trabalhar no estrangeiro?

  • és fisicamente saudável
  • motivado
  • motivado para trabalhar e viver com pessoas de países diferentes
  • motivado em ganhar pelo menos 1750 euros por mês

Ótimo, a Qbis pode ajudá-lo a encontrar um trabalho no estrangeiro

Consiga uma oferta de trabalho

Requerer mais informação sobre trabalhar no estrangeiro

Consiga informação personalizada da Qbis